All for Joomla All for Webmasters

6 Cilindros em linha: O GM 250 – Opala

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
6 Cilindros em linha: O GM 250 – Opala
Avalie nosso site!

A História do motor GM 250 6 cilindros em linha

A General Motors tinha como parte de linha de produção básica o motor 6 cilindros da Chevrolet, usado em carros usuais e também caminhões. O motor GM 250 faz parte de uma grande linha  de motores que começaram a ser produzidos em 1929.

motor de opala 6 cilindros
– ORIGEM
O motor 6 cilindros em linha se originou em 1929, contendo 194 polegadas cúbicas, e era chamado de Stovebolt. Neste motor foram usados pistões em ferro fundido e virabrequim de aço forjado com três rolamentos. Contendo diâmetro e curso de 3,3125 in (84,14 milímetros) por 3,75 em (95,25 milímetros), o que proporcionava 37 cv de potência. Ele foi projetado para ser construído economicamente, e ainda assim foi um sucesso no mercado e cresceu ao longo dos anos com várias versões que são divididas em três gerações:
1º Motores 194, 181e 207 que foram utilizados em carros e caminhões da GM e GMC.
2º Motores 216, 235 e 261, sem muitas alterações, também utilizados em carros e caminhões da GM e GMC em diferentes países.
3º Motores 194, 215, 230, 250, 250-S, L22, LD4, LE3, 292 e L25. Esta geração era bem mais leve apesar de aparentemente ser bem parecida às anteriores. Nesta geração também contava com 7 mancais de virabrequim ao invés de 4 das gerações anteriores, câmara de combustão modificada e balanceiros semelhantes aos do motor V8. Foram lançados em 1963 e usados em, além de caminhões, também em carros esportivos como a Chevy Nova, Corvete e Opala.
O motor 250 especificamente nasceu em 1971 com 4.1L e 140cv de potência. E logo depois em 1974 surgia o 250-S que continha tuchos mecânicos, taxa de compressão em 0,7 ponto, comando com lobe center de 109º e levante de 6,55mm. Com essa configuração o motor passou a possuir 153cv de potência, o suficiente para acelerar de 0 a 100 km/h em 10 segundos e alcançar máxima de quase 200 km/h, e só foi produzido no Brasil! Oferecido opcionalmente, este 250-S mais agressivo foi homologado para a antiga Divisão 1 da CBA, com taxa de compressão 9,2:1. Haviam versões mais comuns do 250 com taxa de compressão de 7,8:1 e 8,5:1, e potências líquidas entre 127 cv a 151 cv, respectivamente, mas qualquer um poderia comprar um 250-S em concessionárias GM!
É impossível de falar sobre o 6 cilindros em linha e não conta um pouco sobre o Chevrolet Opala o projeto 676, lançado no salão do automóvel no dia 19 de novembro de 1968, A receita do Opala combinava a carroceria alemã do Opel Rekord C / Commodore A, fabricado de 1966 a 1971, à mecânica norte-americana do Chevrolet Impala. E ao longo de seus 23 anos e 5 meses de produção contínua, passou por diversos aprimoramentos mecânicos e modificações estéticas.

SAMSUNG CSC

6 Cilindros aspirado com 3 carburadores webber

A GM também usou em vários outros carros fora da Chevrolet, devido à confiabilidade do motor. Foi o motor de base para o Pontiac Firebird de 1968 até 1976, o Pontiac Tempest de 1968 até 1970, o Pontiac LeMans de 1968 até 1976, o Buick Special de 1968 até 1969, o Oldsmobile Cutlass de 1968 até 1972, o Pontiac Ventura de 1971 até 1975 e o Buick Skylark de 1968 até 1971. Em quase todos os veículos equipados com o Chevy 250 havia também a transmissão automática padrão de duas velocidades.
E ainda hoje, 21 anos depois, o GM 250 chama a atenção com seu ronco quando passa e continua fazendo sucesso entre os fãs dos clássicos!

Motor Descrição Potência líquida Torque Fabricação Combustível Carburador
230 – 3.8 6 cilindros 3.8L 125 cv a 4000 RPM 26,2 a 2400 RPM 1968–71 Gasolina
250 – 4.1 6 cilindros 4.1L 130 cv a 4000 RPM 29 kgfm a 2400 RPM 1971–75 Gasolina
250-S – 4.1 6 cilindros 4.1L 171 cv a 4800 RPM 32.5 kgfm a 2600 RPM 1976–80 Gasolina
250 – 4.1 6 cilindros 4.1L 132 cv 1980–84 Gasolina
250 – 4.1 6 cilindros 4.1L 132 cv a 4000 RPM 30,1 kgfm a 2000 RPM 1985–90 Etanol Solex H34
250 – 4.1 6 cilindros 4.1L 132 cv a 4000 RPM 1985–89 Gasolina DFV 446
250 – 4.1 6 cilindros 4.1L 121 cv a 3800 RPM 29,0 kgfm a 2000 RPM 1991–92 Gasolina Solex 3E
250 – 4.1 6 cilindros 4.1L 141 cv 32, 8 kgfm a 2500 RPM 1991–92 Etanol Solex 3E
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Share.

About Author

6 Comentários

  1. Pingback: Carburador Weber - História - 6CILINDROS.COM.BR

  2. TEXTO MENTIROSO.opala SS fazia 0/100 acima de 12 segundos e nao 10 segundos. o maverick gt q fazia abaixo de 11 segundos,pq tinha bem mais torke.

  3. outra mentira é q nao chegava a quase 200km/h e sim a uns 190.o maverick quadrijet q passava de 200km/h. e o maverick gt era só uns 4 a 5 km/h mais lento,pelo peso. mas dominou a turismo nsoa anos 70,deixando o opala 6cc na poeira.

    • Maverick superior ao opala? Vai pesquisar o porque a ford apelou pra quadrijet nos v8.
      De quem o tão temido Maverick Hollywood levou pau que até hj os maveckeiros abafão a história… blz…

  4. Ver mais vídeos e depois comenta blz!! Tudo bem mas os maverick com mecânica e mustang. As peças era mais caras e assim o opala dominava a pista! Na quela época não se tinha muito acesso às peça iqual tem hoje!! E

Leave A Reply